Como fazer limoncello

Refrescante, doce e digestivo, o limoncello é um licor ligeiramente alcoólico, nascido no sul de Itália, que vai tão bem como aperitivo como após uma refeição. A história atira as suas origens para a Costa Amalfitana em tempos que se perdem das calendas – embora a sua comercialização a nível global seja muito mais recente – e a receita, de tremenda simplicidade, pode ser feita em casa o que dá outro sabor na hora de bebericar um copo de limoncello bem gelado.

Assim, para fazer limoncello basta ter limões, de preferência biológicos com casca mais grossa e mais saborosos, álcool etílico ou etanol, água e açúcar.

Com um descascador de batatas ou uma faca, retira-se a casca de 10 limões evitando a parte branca do seu interior, bastante amarga, e coloca-se a maturar num frasco hermético, durante 20 dias, em 1 litro de álcool etílico (etanol) com 96% de volume, sem cetrimida. Não é o álcool comum e pode ser encontrado nas farmácias.

Pode ainda ser utilizado álcool de cereais, álcool etílico a 70% ou vodka (40% vol) sendo que, nestes casos, a quantidade de água e açúcar será também diferente.

Após 20 dias em infusão, num local escuro e seco, este líquido entrará na segunda fase do estágio.

Num tacho ferva 2 litros de água mineral (1,5 L. se utilizar álcool a 70% ou 1 L se for vodka a 40%) e, quando levantar fervura, desligue e junte 800 grama de açúcar (700 gr. se utilizar álcool etílico a 70% ou 600 gr se for vodka a 40%), mexendo com uma colher de pau.

Quando esta calda estiver fria, junte-lhe o líquido da infusão através de um coador, deixando as cascas no frasco. Verta um copo de água no frasco e agite as cascas de limão para aproveitar todos os restos da infusão, deitando-a também na calda.

Coloque o limoncello em garrafas bem tapadas e mantenha-as em local fresco e escuro pelo menos durante 20 dias. Neste espaço de tempo, o sabor agressivo e dominante do álcool deixará espaço ao fresco e suave sabor a limão, devendo o limoncello beber-se sempre gelado, sendo aconselhada a sua guarda no congelador.

Cake Bukk

Cake. Uma fatia de futuro elétrico por 15 mil euros

A ideia surgiu… do nada. Ou melhor, apareceu para colmatar um hiato no capítulo da mobilidade. Sem qualquer ligação às motos, Stefan Ytterborn voltou a fazer brilhar as suas apetências e criou a Cake. O sueco, conhecido pelas ideias e produtos inovadores em termos de estratégia, design e marketing, ‘atacou’ as duas rodas com propostas […]

Continuar
Kove 800X Super Adventure no EICMA 2022

EICMA 2022. Kove

Foi, sem dúvida, uma das marcas que maior curiosidade despertou na 79.ª Esposizione Internazionale delle Due Ruotte. Na EICMA 2022, a Kove mostrou uma trail de grande cilindrada, máquinas de motocrosse e até a versão final da quatro-e-meio que vai alinhar no próximo Rali Dakar. Mas o que é, afinal, a Kove e quais são […]

Continuar
EICMA 2022

EICMA 2022. Chinesas?… Sim, com orgulho

Foi de uma entusiasmante confiança o ambiente vivido na 79.ª Esposizione Internazionale delle Due Ruote! Ao longo de seis dias, foram muitos milhares os que visitaram os stands das mais de 1300 marcas espalhados por seis pavilhões da Fiera Milano. Afinal, mais um que em 2021 confirmando a forte aposta em deixar para trás as […]

Continuar